SE NAMORAR É...
Cortejar -  o tempo todo fazemos.
Cativar -  eu e você cativo estamos.
Atrair -  Ah! Quanta atração entre nós existe!
Seduzir -  Ah! Eu te seduzi e você também me seduziu!
Apaixonar -  apaixonados somos certamente.
Eu te amo -   sinto que você me ama,  naturalmente.


Desejar ardentemente -  como te desejo, paixão!
Chamar -  a toda hora te chama o meu coração!
Enamorar-se -  Há muito estou enamorada. 
Encantar-se-  Seu jeito doce me deixa encantada.
Tomar-se mutuamente de amor:
Eu te amo -  sei que você me ama também.

SE É NAMORADO...
Aquele que sabe estar sendo galanteado: 
Eu te faço galanteios -  você sente-se  lisonjeado.
Aquele que é terno com o amado-parceiro:
Seu jeito suave me encanta  - atinge-me de modo certeiro.
Eu o tenho como meu namorado-amigo.
Eu te amo , você me ama.
Neste doce e verdadeiro sentimento encontramos abrigo.

SE HÁ NAMORO...
Quando há chamego nos momentos de intimidade:
Cada vez maior em nós há o aconchego,  a identidade.
Quando entre o par existe o "grude", o apego:
Cada dia mais nos tornamos um, eu percebo,
Como é gostoso juntos estarmos no encontro!
Este "estar juntos" é para nós  um momento de mágico.




E é por estas e outras, meu namorado-amigo,
Que com a mais firme e absoluta certeza digo,
Você é meu companheiro, amor, amante-amado.
Se nos enamoramos, nesta nossa colorida amizade,
Nos tornamos amigos-namorados, enamorados de verdade. 
Porque é certo que nos amamos em doce e suave liberdade.

 

12.06.2002 
Texto revisto em 13.06.2003
(por  sentir  ainda mais  verdadeiro este poema)

Música Incidental:
"Paz do Meu Amor"

Seqüência Midi:

 

Esta página, composta por texto e arte gráfica, é protegida pela Lei de Direito Autorais - LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998, e pelos tratados e convenções internacionais.Respeite os direitos da autora, para que seus direitos também sejam respeitados, sempre.