Quando você me deixou, meu bem,
Me disse pra ser feliz e passar bem.
Quis morrer de ciúme, quase enlouqueci,
Mas depois, como era de costume, obedeci.

Quando você me quiser rever
Já vai me encontrar refeita, pode crer,
Olhos nos olhos, quero ver o que você faz
Ao sentir que sem você passo bem demais.

E que venho até remoçando,
Me pego cantando
Sem mais nem porquê.
E tantas águas rolaram,
Quantos homens me amaram
Bem mais e melhor que você.

Quando talvez precisar de mim
'Ce sabe a casa é sempre sua', venha sim,
Olhos nos olhos, quero ver o que você diz,
Quero ver como suporta me ver tão feliz.

 

Web design, edição e formatação por Ninh@ Lopes de Sá. É expressamente proibida, por lei, a divulgação desta página em outro site sem a autorização expressa da autora ou dos detentores de copyright do texto, da formatação e dos demais elementos que compõem a página, nos precisos termos da pela Lei 9.610 de 19/02/1998, Lei dos Direitos do Autor.

Seqüência Midi do site Beatriz Kauffann's Website
Clique
AQUI para visitar o site.