Pai, 
Foste o herói da minha infância,
da minha mocidade, da minha vida...
Como eu te amava, pai...

Lembro da amplidão da nossa sala
e da grande mesa... onde... 
À noite nos sentávamos para complementar
o que me ensinavam na escola.

Pai... nossa alegria se perdia 
em gargalhadas, a cada viagem 
que programavas.

Lembro-me da tua imagem... 
comandando escaladas
aos picos das montanhas.
Sabes do que mais eu gostava?

Do teu entusiasmo... sentir-te menino... 
ao preparar a parafernália
que metias num saco de viagem, 
amarrado às tuas costas.

Lembro-me de todos os nossos passeios, 
viagens, festas de aniversário...
Lembro-me de cada árvore de Natal
que juntos enfeitávamos...
Lembro-me da cor do papel...
de todos os meus ovos de Páscoa... 

Pai, meu grande amigo...
Como me lembro dos detalhes
que fazias acontecer!

Após tua partida tranquei-os no coração, 
sem apagá-los da memória...
Mas as lembranças lindas e tantas
que comigo ainda carrego... 
tornam-me à felicidade!

 

 

 

 

 

Música Incidental: "Jesus Alegria dos Homens" - J.S. Bach - Desconheço o autor da digitalização desta música, se você souber por favor mande-me um E-mail, para que os créditos devidos lhe sejam atribuídos.